11/21/11

Como foi o evento de celebração africana em Carrickfergus?




Há uns meses atrás promovi activamente um evento de temática africana no meu blogue e redes por entender que mercê da ligação de Portugal com o continente africano - e não apenas com os PALOP'S - haveria quem quisesse ajudar a Rosetta no seu esforço de angariar dinheiro para instituições africanas que combatem o abuso sexual infantil, um problema que ali assume proporções gravíssimas. Não tive grande sucesso, digo-o sem reservas. Houve algumas promessas mas não se concretizaram. Ainda assim a Paula Pereira viu o meu repto e não só enviou trabalhos como até foi à Irelanda, e ajudou no evento, como júri. Isso foi excelente. Eu consegui vender as colagens e o dinheiro vai para África. Eu nunca poderia doar esse montante, se quisesse doar dinheiro, teria de ser um valor inferior. E fiquei duplamente contente quando soube que as colagens tinham sido compradas pela mesma pessoa.
2011 Ano Internacional da Celebração dos Povos de Descendência Africana
- "CARRICKFERGUS COMEMORA ÁFRICA" em Carrickfergus, Irlanda do Norte.

As Nações Unidas declararam 2011 Ano Internacional da Celebração dos Povos de Descendência Africana. A artista de Carrickfergus, Rosetta Jallow, organizou um evento para celebrar isso, para mostrar algum talento local Africano e para arrecadar fundos para instituições de caridade africanas. O evento aconteceu no Shopping do Centro Cívico e Galeria em Antrim Street, Carrickfergus entre 12 de novembro e até 19 de novembro.
 
Foi uma festa com temática Africana, com a participação tanto da comunidade Africana na Irlanda do Norte.Houve uma exposição de arte para a caridade, que é uma expansão do que a Rosetta já fazia, o Faces of Africa, iniciada em Manchester em 2004. Stephen Jamison de Newtownabbey exibiu com ela algumas vezes nos últimos anos. Este ano, muitos de seus amigos artistas locais e internacionais apoiaram os seus esforços de caridade e ela está grata pela sua generosidade.
Arte doada por esses talentosos artistas foi exposta e vendida para ajudar Operação Bobbi Bear (África do Sul - que trabalha com crianças abusadas sexualmente); ABAANA (Bangor, constrói escolas no Uganda) e Igreja da Academia de Cristo (escola na Gâmbia).
Artistas que doaram são da Irlanda do Norte, Inglaterra, França, Portugal, EUA, Austrália e Ilhas do Pacífico dos Bougainvile no Solomon Islands Norte. Uma das doações foi criada no Japão pela Charleen Morris, que vive habitualmente na Gold Coast, ou seja, a exposição é verdadeiramente internacional.
Artistas participantes são: Rosetta Jallow (Greenisland), Stephen Jamison (Newtownabbey), Freda Kemp (Larne), Natalie McCoy (Belfast), Lorraine Pollock (Belfast), Susie Hawkins (Bristol), Dawn Jones (Wolverhampton), Charleen Morris (Australia ), Alan Lewis (França), Loretta Lytle (EUA), Isaura Xavier Decampos (Portugal), Belinha Fernandes (Portugal), e Paula Pereira (Portugal).
Paula Pereira esteve presente no evento. Paula doou duas obras de arte bonita, uma das quais foi usada por Planex Gana em seu site como parte de um anúncio sobre o evento. Representantes da Planex Gana voaram para Carrickfergus para se reunir com Johnson Rosetta Jallow e Ezequiel, o fundador da Associação Gana Irlanda do Norte. Paula Pereira juntou-se a Ezequiel Johnson e Sebastian Adegboyega Aluko-James para formar o júri do concurso de arte infantil.
Rosetta também está grata  à artista Isaura Xavier de Campos, que vive em Ermesinde, por doar o seu trabalho para as exposições de arte, em novembro de 2010 e 2011, e Belinha Fernandes, que vive na Figueira da Foz, que doou duas belas colagens sobre tela, este ano.
Entertainers africanos apresentaram-se no evento em ambos os sábados, houve oficinas de arte infantil africana, pintura facial e outros entretenimentos. A cidade de Carrickfergus passou duas semanas animadas
!
Fonte do texto é Rosetta Jallow . 

2 comments:

dodo said...

Parabéns!

Jeep Liberty Turbo said...
This comment has been removed by a blog administrator.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...